Arquivo da tag: spfwtransn42

Eventos, Moda

Minha primeira vez na SPFW

Há tempo que tento acompanhar as semana de moda mundo afora pela internet. É uma enxurrada de posts e fotos durante dias e a gente fica até perdida com tanta informação. Sempre gostei de ficar de olho no que as marcas e estilistas andam propondo, mas nunca tinha tido a oportunidade de ver de perto. Mas esse ano, aos 45 do segundo tempo, eu consegui dar um pulinho nesta edição da SPFW, graças a ajuda de um amigo (Fagner, eu te amo! kkkk) e aí acho que vale a pena dividir com vocês essa minha primeira vez no SPFW.

SPFW-02

Fotos: Agência Fotosite para FFW

Primeiro, eu achei que era mais difícil entrar no evento, mas quem tem amigo tem tudo nessa vida. Duas são as formas de adentrar o recinto: ou credenciado para trabalhar – jornalistas, maquiadores, modelos, equipe de produção – ou com convite para assistir o desfile.  A credencial necessariamente não te dá acesso à sala de desfile, apenas à área de convivência, backstage e sala de imprensa. Para assistir os desfiles é preciso ter o convite específico para cada um deles, que é distribuído pelas assessorias das marcas (para os jornalistas, clientes, celebridades, etc). Quando está chegando perto da hora do desfile, as assessorias distribuem o que eles chamam de convite standing, é um extra que fica lá no aguardo para o caso de ter espaço sobrando na sala. E foi assim que eu assisti o desfile do Vitorino Campos.

SPFW-03SPFW-04

Foto: Agência Fotosite para FFW

Mas antes de chegar no desfile, eu aproveitei para curtir o espaço. Passei pelos lounges dos patrocinadores, comi e bebi “de grátis“, encontrei um monte de amigo – vários baianos trabalhando por lá, mas não tirei foto com ninguém :( – e observei o movimento. Porque entre um desfile e outro, é massa acompanhar o que tá acontecendo do lado de fora da sala, onde as pessoas vida real circulam, os profissionais trabalham e muita coisa acontece. Essa edição foi incomum, um momento de transição – aquela história toda do see now buy now -, com uma estrutura menor, desfiles ocorrendo em outros espaços da cidade, mas com alguns acontecimentos muito emblemáticos (falo em breve sobre, em outro post).

SPFW-01

Foto: arquivo pessoal

Não pude conferir o backstage. Adoraria ver como acontece a mágica nos bastidores, mas fica para uma próxima oportunidade, espero. A sala de desfile não era enorme, aqui em Salvador já vi parecida, mas a estrutura de captação (vídeo e pit de fotógrafos eram bem melhor e maior).

O que eu achei? Eu amei! Talvez por ter sido a primeira vez, mas sei que tem gente que encara como algo comum. Para mim, foi um dia mega especial, de poder viver um pouco da moda em um ambiente mais pulsante que aqui na minha cidade. Acredito que uma edição nos padrões comuns, maior, acontecendo no prédio da bienal, com todos os lounges e eventos paralelos, seja mais bacana ainda. Fico na expectativa de no próximo poder ir novamente, dessa vez mais a trabalho que a passeio. Para quem gosta de moda (no sentido de trabalhar na área, não de apenas de saber o que está na moda para comprar roupa), uma semana de moda é sempre um lugar legal para estar e aprender.